. . . . Meu cardápio é bom, mas a quantidade e os doces são problemas a resolver - Dieta Coletiva - Mania de Organizar e Viver Saudável

Meu cardápio é bom, mas a quantidade e os doces são problemas a resolver - Dieta Coletiva


Quero falar a respeito de dieta e atividade física.
Eu fui muito magra na minha infância e início da adolescência. Quando tinha 13 anos, meu corpo se desenvolveu e também comecei a engordar. Como foi uma espécie de explosão, fiquei apavorada e resolvi que não seria gorda. Comecei aos 14 anos aprendendo a fazer exercícios físicos sozinha mesmo (me inspirava em revistas), pois não tinha como pagar academia naquela época. Adquiri então o hábito de me exercitar e gostei tanto que escolhi tirar a Licenciatura em Educação Física. Nunca trabalhei como profissional nessa área, mas isso é outra história que não dá pra contar agora. Aliado aos exercícios, resolvi diminuir a quantidade de comida. Deu certo. De 59kg cheguei a 51kg, mas desse jeito reconheço que fiquei muito magra. Quando me alimentava, não saía da mesa estufada e parecia sempre que tinha sobrado um espaço no meu estômago. Mas o legal é que me sentia bem. Ganhei um pouco de peso e estacionei em 54kg até os 26 anos que foi a idade com que me casei.
Pouco antes do casamento já ganhei 3kg num curto período. Acho que foi a ansiedade.
Ganhei mais alguns quilos e quando engravidei pesava 61kg. Melhorei minha alimentação, cortei algumas besteiras, fiz ginástica e hidroginástica para gestantes. Ganhei somente 9kg na gravidez e um mês depois já havia voltado ao meu peso normal.
O acúmulo de peso foi gradual e com quase 12 anos de casada, estava pesando 12 quilos a mais, tanto eu quanto meu marido. Havíamos adquirido numa média, um quilo por ano.
Nunca tomei remédio para emagrecer, mas já fiz a dieta das frutas: A Dieta de Beverly Hills, da Judy Mazel, mas não deu muito certo. Até tenho o livro com o Plano Para a Vida Inteira. 
Resolvemos então reeducar nossa alimentação e mudar hábitos adquiridos desde pequenos. Passamos a comer direito, alimentos saudáveis, mais frutas, mais verduras, seguindo um cardápio que já citei num post mais antigo e está disponível aqui. Cortamos de vez o líquido durante as refeições e passamos a tomar somente uma hora depois. Eu consegui emagrecer 3 quilos em um mês e ele, 6. Homem emagrece mais rápido, é o que dizem e isso realmente aconteceu com meu marido. A única coisa que não conseguimos cortar, foram os doces. Sempre fomos duas “formigas doceiras” e ganhamos uma formiguinha igual. Minha filha cresceu maluca por doces. Sei que a culpa é minha, mas meu pai também era “formiga” e aprendi com ele. Desde então, comemos alimentos saudáveis, mas os doces nos fazem perder a chance de nos manter magros. No meu caso, preciso também diminuir a quantidade de comida e os cafezinhos. Bebo bastante água todos os dias, mas sem forçar, bebo quando sinto sede. Como de três em três horas e se passar, meu corpo já reclama (fico com dor de cabeça ou no estômago).
A atividade física sempre fez parte da nossa rotina, mesmo da minha filha que começou a natação com menos de dois aninhos. Mas acabamos parando por alguns períodos no ano passado e isso não nos fez bem. Meu marido foi o único que não desanimou, levanta-se mais cedo e faz ginástica em casa mesmo, antes de sair para o trabalho.
Resolvemos então investir um pouco mais sério na atividade física para podermos nos dar ao luxo de comer doce, tomar sorvete, essas coisas gostosas e tentadoras. Nosso presente de Natal de 2010 foi um mini-trampolim para fazer exercícios aeróbicos (jump fit). Queima muitas calorias em poucos minutos e não dá impacto como uma corrida normal. A rematrícula na academia já foi feita para aulas de alongamento e musculação. Minha filha vai fazer outras atividades.
Estou procurando controlar minha alimentação e espero jogar fora uns 6kg. Vamos ver se consigo.
Veja abaixo como estou tentando:
Meu café da manhã foi pão integral com queijo branco e café (gosto de comer mamão, mas o que comprei está verde).
No lanche da manhã, comi banana amassada com aveia. Depois tomei suco de abacaxi com hortelã.
Almoço bem light! Aprendi que não se deve cortar o arroz totalmente, por isso, procuro comê-lo uma vez por dia, dá energia. De vez em quando preparo o integral. Tiro a pele do frango para ficar mais magro. Quanto aos legumes, comprei (sempre compro) um mix congelado que ponho na panela sem água, com o fogo baixo e mexo de vez em quando até ficar macio, só refogando. Depois é só jogar um azeite extra-virgem e não abusar do sal porque retém líquido no corpo. 

Prato simples e saudável.


Para a sobremesa, fiz gelatina de uva diet. Minha filha até me tentou com umas jujubas, mas eu resisti e esperei um pouco mais para tomar um cafezinho.


Gelatina diet para matar a vontade de comer doce.

Desejo a quem está participando, sucesso nas escolhas e determinação nessa empreitada.
Trate seu corpo com respeito e o carinho que ele merece. Sua saúde agradece.
Um grande abraço.

Quel

11 comentários:

Amanda disse...

Oiii, obrigada pela dica da marca d'água, linda.
Eu tb comecei a segundona focada na alimentação e nos exercícios, minha mãe falou que eu tô ficando barriguda acredita, é que eu comecei a trabalhar em hospital e o pão de lá é bem massudo, e a gente não resiste né, kkk, faz só 3 meses que entrei lá e já tô ganhando esses ''elogios'', vou parar com esse pão agora!! bjokas

Cláudia André disse...

oi Raquel tudo bem com vc? vim agradecer a sua visita e comentario...muito obrigada pela presença....sobre a dieta eu tb estou fazendo desde outubro e já emagreci 9 kilos...tinha o habito de comer de dois a três pãezinhos no café da manhã...adoro pão, cortei p meio pãozinho, no almoço em vez de comer arroz, feijão, banana nanica e farinha de mandioca (é sou neta de bahiano, e farinha não podia faltar) e ainda repetia...hj como uma esumadeira de arroz (sendo que o mesmo engorda mais que o feijão, mais o cortei totalmente do cardapio, pois arroz conbina com legumes, feijão não né?) com bastante legumes refogados e muita salada crua...sem tempero, pois não gosto de salada temperada, a noite no máximo as 18:30 eu como só legumes refogados com salada sem tempero, ou duas beterrabas cozidas na pressão sem tempero tb...amo beterraba....e se as 21:30 ainda tiver fome e estiver acordada eu tomo leite com ração humana...foi assim que emagreci...a tarde se tenho fome como uma maça e tomo quase 3 litros de agua por dia....o problema é que sou muito enjoda para frutas, só gosto de maça fuji, banana nanica e morango e melancia o resto não me agrada, verduras só passei a comer agora, não foi por minha mãe não ter nos ensinados, mais eu nunca gostei...hj como mais ainda não é o meu forte, mais precisa né? então faço uma força...e tenho uma preguiça enorme de preparar e não gosto do que preparo então geralmente minha irmã que faz p mim...não gosto de exercicios, não me anima, odeio ficar suada rss
pela primeira vez consigo cortar o pão da dieta e a minha querida farinha, nunca consegui antes...acho que faltava força de vontade, sei lá...não fui uma criança gorda ate meus 5 anos, depois tb fui normal mais aos 9 mestruei e tenho até hj problemas hormonais ai dei uma engordada mais aos 15 anos pesava 68 para 1,70 cm de altura, não era magrela, mais tb não gorda, fazia o tipo mulherão tinha a cintura fina tipo violão e amava. mais qdo casei já pesava 74 kilos, passei por um assedio moral em 2000 aonde trabalhava e isso me fez engordar muito...hj estou com 90kilos e quero emagrecer mais, muito mais....bom falando de esmaltes, vc sabe me dizer a diferença entre esmalte 3 D e esmalte holografico? ou é a mesma coisa?
bjosss...e perdoe o tamanho da carta...hehe

Patricia Daltro disse...

Nossa, como te compreendo, a familia de cá também são um bando de formiguinhas, e cortar os doces é o maior desafio. Tomara que consiga colocar todo mundo na linha por ai e que atinjam a meta desejada.

Luciana Kotaka disse...

Oi Raquel, sabe que o layout de seu blog é super charmoso? Adorei!
Quanto aos chás, a orientação que as nutris dão é para não adoçar, experimente e veja se acostuma.Quanto a Dieta Coletiva, é um movimento bem bacana, e acho interessante continuar mesmo se já estiver fechado, vou te dando orientações. Toda quarta terá dicas no meu blog, mas todos os dias tem matérias novas.
Li sobre seu processo de ganho de peso, e acho que tem tudo para conseguir ficar da forma que quer. Bjks

calma que estou com pressa disse...

oi -
sabe que acabei de escrever isto mesmo-
eu já fiz reeducaçãoalimentar com nutricionista - emagreci pra caramba- mas a ansiedade me faz comer doce- e aqui em casa todos adoram doce-
porque a minha alimenação é cheia de frutas, verduras... mas doce mimata
bj
lu

Tapetes de Crochê disse...

Oi Raquel, td bem?
Nossa, adorei o seu post...principalmente pq ele vem recheado de força e determinação.
Saber admitir que não resiste a determinado alimento é crucial pra conseguir mudar a alimentação...
Eu costumava botar a culpa dos meus deslizes no meu namorado, que é magro, formiguinha tb e cocólatra, rs. Mas com a reeducação alimentar que estou fazendo com a nutri, aprendi que não posso sacrificar a dieta dele pq eu tenho tendencia a engordar...eu que tenho que aprender a dizer Não quando ele oferecer...é difícil, mas eu estou tentando.

Adorei seu blog, parabéns!
BJinhos
Letícia

Tapetes de Crochê disse...

Olá Raquel!
Acho que é mal de Letícia gostar de livros, rsrsrsrs.
Eu desde pequena já gostava muito, viajaaaava nas histórias de Lobato.
Vc é professora né, eu tb sou da área da educação...não quis seguir carreira de professora mas fui pra área do mesmo jeito, sou bibliotecária, rsrsrs.

Bjinhos
Letícia

Giuliana: disse...

Oi Raquel,

Vim dar boas vindas e dizer que é um grande prazer sua visita.

Não curto radicalismos, como pode ter lido no meu post. Não me privo de comer o que gosto, mas durante a semana estou evitando e nos fins de semana abro uma pequena exceção, como o que gosto sem exagero.

Também sou uma formiga, uma formiga chocolátra, mas estou conseguindo passar a semana com 1 chocolatinho, só não consegui aderir ao meio amargo (não gosto), mas irei tentar.

Acho que o caminho certo é isso, fazer nossa parte, equilibrar as refeições e exercitar. E que bom que você tem o apoio da família, fica bem mais fácil.

beijos

@llacerdaa disse...

Já saí da adolescencia, mas como ainda não to podendo pagar academia..continua me inspirando em exercicios de revista rs amooo gelatina de uva diet! uma dica é colocar uvas dentro..fica melhor que qq doce

Cintia Fernandes disse...

Ih... cortar doces é meu grande desafio amiga. amei seu blog. vc engordou 1 quilo por ano e eu engordei 1/2 quilo por mês. em apenas 2 anos de casada estava com 12 quilos a mais. acredite!!! e está sendo difícil jogar fora esses danados. mas com essa dieta coletiva vamos conseguir

Susi karin disse...

nooossa QUELLL, se comeu só isso hj, agora depois que eu li isso tudo tô até envergonhada, acabei de comer 4 fatias de pizza, afff, to chateada viu, ahh,acho que vou participar tb dessa dieta coletiva, um abraço!!! boa dieta